Posso perde uma batalha, mas não desisto da luta


São Paulo, 27 de outubro de 2016, as 00:24.

Bom galera, devido o meu trabalho, e o fato de está sem internet banda larga em casa, as postagem serão um pouco mais demorada, mas continuarei postando. Também continuarei (a medida do possível, é claro) atendendo pedido de postagem. Quer ver alguma postagem aqui no blog, faça o seu pedido por e-mail, pelo meu Facebook, ou por comentários aqui mesmo no blog.
Quero agradecer a todos que tem acompanhado o blog ao longo do tempo, muito obrigado mesmo.

Forte abraço

DJ Dejota



sexta-feira, 20 de abril de 2012

Janis Joplin [1972] Joplin In Concert


Janis Lyn Joplin (Port Arthur, 19 de Janeiro de 1943 — Los Angeles, 4 de Outubro de 1970) foi uma cantora e compositora norte-americana. Considerada a "Rainha do Rock and Roll"[1][2], "a maior cantora de rock dos anos 60"[3] e "a maior cantora de blues e soul da sua geração"[4], ela alcançou proeminência no fim dos anos 60 como vocalista da Big Brother and the Holding Company e, posteriormente, como artista solo, acompanhada de suas bandas de suporte, a Kozmic Blues e a Full Tilt Boogie.
Influenciada por grandes nomes do jazz e do blues como Aretha Franklin, Billie Holiday, Tina Turner, Big Mama Thornton, Odetta, Leadbelly e Bessie Smith[5][6], Janis fez de sua voz a sua característica mais marcante[7], tornando-se um dos ícones do rock psicodélico e dos anos 60.[8] Todavia, problemas com drogas e álcool encurtaram sua carreira. Morta em 1970 devido à uma overdose de heroína[3][9], Janis lançou apenas quatro álbuns: Big Brother and the Holding Company (1967), Cheap Thrills (1968), I Got Dem Ol' Kozmic Blues Again Mama!(1969) e o póstumo Pearl (1971), o último com participação direta da cantora. Músicas deste disco 01 - Down On Me 02 - Bye, Bye Baby 03 - All Is Loneliness 04 - Piece Of My Heart 05 - Road Block 06 - Flower In The Sun 07 - Summertime 08 - Ego Rock 09 - Half Moon 10 - Kozmic Blues 11 - Move Over 12 - Try (Just A Little Bit Harder)