Posso perde uma batalha, mas não desisto da luta


São Paulo, 02 de fevereiro de 2018

Bom dia galera, estou de volta com minhas postagens. Também continuarei (a medida do possível, é claro) atendendo pedido de postagem. Quer ver alguma postagem aqui no blog, faça o seu pedido por e-mail, pelo meu Facebook, ou por comentários aqui mesmo no blog.
Quero agradecer a todos que tem acompanhado o blog ao longo do tempo, muito obrigado mesmo.

Forte abraço

DJ Dejota



sábado, 6 de agosto de 2016

Black Power Music- 2016

Um pouco de história

Black Power (em português: "poder negro") foi um movimento entre pessoas negras no mundo ocidental, especialmente nos Estados Unidos. Mais proeminente no final dos anos 1960 e início dos anos 1970, o movimento enfatizou o orgulho racial e a criação de instituições culturais e políticas negras para cultivar e promover interesses coletivos, valores antecipadamente, e segura autonomia para os negros.

O mais antigo conhecimento do uso da expressão "Black Power" veio de um livro de Richard Wright, lançado em 1954 intitulado Black Power. O primeiro uso da expressão com sentido político pode ter sido por Robert F. Williams, presidente da NAACP, escritor e editor ativo nas décadas de 1950 e 1960.

Robert F. Williams, notável proponente do Black Power.
No entanto, alguns estudiosos acreditam que o uso da expressão remonta ao século XIX, sendo encontrada no discurso de personagens como o político Adam Clayton Powell e o militante de direitos civis Willie Ricks.

A expressão tornou-se mais conhecida quando foi usada por Stokely Carmichael, militante radical do movimento negro nos Estados Unidos, após sua vigésima sétima detenção, em 1966. Na ocasião, ele anunciou:

"Estamos gritando 'liberdade' há seis anos. O que vamos começar a dizer agora é 'poder negro' ", anunciou.
Nas décadas seguintes, a expressão ""Black Power"" foi gradativamente desvinculada do contexto histórico e político em que foi criada, passando a ser associada apenas a um estilo de cabelo. Fonte Wikipédia


Músicas deste CD

01- He's Gonna Catch Reggae Mix

02- Nice and naughty
03- No Woman No Cray (remix)
04- Notorius Thugs
05- Piece of My Heart
06- I'll Be Missing You
07- Doint It
08- Ah! Ah! Ah! Uhh
09- Contry Grammar
10- Oh Yeah
11- Get Ur Freak
12- Rollin Up Some Mo
13- Don't Realize
14- In Da Cube (Remix)
15- I Treid
16- Don't Matter

Clique aqui ou nas capas para baixar o CD